Seriedade e otimismo

Distribuidora Futura
Na CeasaMinas desde 2010

 

Uma equipe de profissionais qualificada, formada por um time consolidado, desde os colaboradores do armazenamento até o setor de vendas. Assim o comerciante Pedro Venâncio Barbosa (Distribuidora Futura), define seus funcionários que, segundo ele, são um dos grandes diferenciais da empresa. “Prezo muito pela qualidade, não apenas dos produtos, como também dos serviços que oferecemos aos nossos clientes”, destaca o empresário, acrescentando que, ainda no início da sua carreira profissional teve a oportunidade de trabalhar nas mais diferentes funções do ramo. “Conheço de forma ampla todos os processos do meu negócio e tenho consciência da importância de cada um deles”.
O empresário informa que a empresa foi fundada em agosto de 2010 e que sua atuação na Ceasa, ocupando a representatividade que conquistou no grupo e sua consistência durante todos esses anos é a confirmação de um trabalho de qualidade, responsabilidade e seriedade. “Podemos ter a certeza e a segurança de uma empresa sólida que, mesmo vivenciando um mercado onde muitos estabelecimentos fecham, devido às dificuldades, se mantém constante”. A empresa disponibiliza um mix com mais de 6.500 itens (alimentícios, bazar, higiene pessoal, limpeza e bomboniere, dentre outros). O empresário destaca seu objetivo de atender as expectativas do cliente. “Queremos que o cliente tenha a comodidade de encontrar em nossa loja tudo que ele precisa para o seu comércio”.
Manifestando satisfação em poder contar com a participação dos filhos em cargos de confiança, como gerências e diretorias do grupo, explica que os orientou para esse fim. “A mesma visão que carrego sobre meus negócios, divido também com meus filhos. Sempre deixei claro para eles o caminho que percorri. Quando adolescentes já os envolvia nos processos, compartilhando cada etapa dos nossos negócios”.

Dificuldades
Com as mudanças no mercado e no perfil dos consumidores/varejo, crescimento dos atacarejos e empresas de distribuições diretas, Pedro Venâncio observa que muitos clientes deixaram o hábito de ir até a Ceasa. “Eles acabam optando pela ‘comodidade’ oferecida por atacarejos e distribuidores que, muitas vezes, atuam com preços e condições comerciais muito próximas às nossas”.

Expectativas
Otimista com a CeasaMinas, acredita que oportunidades e situações têm se levantado e, com isso, algumas mudanças serão boas soluções para a retomada do seu público. “Assim como o mercado se transforma, a manutenção, reforma e investimentos em sua estrutura e segurança farão com que clientes tenham mais motivos para frequentar o local”.

Agradecimento especial da Redação:
Nossos sinceros agradecimentos à Tina, gerente administrativa da Futura, que, gentilmente nos recebeu e intermediou esta entrevista, destacando a importância do amor em tudo o que se faz. “Acredito que tudo em que imprimimos empatia e dedicação, se torna parte de nós. Por isso, por muitas vezes, a Futura é associada a minha pessoa. Há muito tempo perdi meu nome de batismo para me tornar a ‘Tina da Futura’”.